Página principal

Da Memória da Universidade

Ir para: navegação, pesquisa

Sobre · Nova · Comunidade · Contacto

23h30min (UTC); Sexta-feira, 30 de Setembro de 2016
Novos artigos · Índices · Categorias · Legislação · Cronologia
Memória da Universidade,
Uma Enciclopédia do Ensino, Ciência e Cultura na História da Universidade de Lisboa

Artigo em destaque...

Professores afastados da Universidade entre 1926 e 1974

Resolução do Conselho de Ministros de 14 de Junho de 1947, com a lista dos funcionários públicos demitidos

Vários professores da Universidade de Lisboa, nomeadamente das Faculdades de Medicina, Ciências e Letras foram perseguidos e expulsos do ensino entre 1926 e 1974, principalmente nas vagas de expulsões de 1935 e 1947.

.  
N. Ob.
Amado, Luís Hernâni Dias 2415385.51901 2444605.51981
Anciães, José Henrique Cascão de 2413925.51897
Assunção, Carlos Fernando Torre de 2415385.51901 2446796.51987
Carlos, Adelino Hermitério da Palma 2416846.51905 2448622.51992
Costa, Adelino José da 2414290.51898 2437665.51962
Costa, Augusto Pires Celestino da 2409176.51884 2435473.51956
Fonseca, Fernando da Conceição 2413194.51895 2442048.51974
Gibert, Armando Carlos 2420133.51914 2446066.51985
Lapa, Manuel Rodrigues 2413925.51897 2447527.51989
Lapa, Álvaro Isidro Faria 2408446.51882
Magalhães, José Maria Vilhena Barbosa de 2407350.51879 2436569.51959
Nunes, Manuel Augusto Zaluar 2417576.51907 2439491.51967
Oliveira, João Cândido da Silva 2417211.51906 2448257.51991
Resende, Flávio Ferreira Pinto 2417576.51907 2439491.51967
Rocha, Andrée Crabbé 2421229.51917 2452640.52003
Silva, Aurélio Marques da 2416846.51905 2438761.51965
Valadares, Manuel José Nogueira 2416480.51904 2444970.51982
Valente, Francisco Pulido 2409176.51884 2438030.51963


Imagens

Cinco professores da Escola Médico-Cirúrgica de Lisboa. Pintura a óleo de Columbano Bordalo Pinheiro.1906-1907.

Uma de quatro telas encomendadas em 1906 pela Escola Médico-Cirúrgica de Lisboa ao pintor Columbano Bordalo Pinheiro, retratando os seus professores. O conjunto destinava-se à Sala do Conselho do novo edifício da Escola no Campo de Santana. Actualmente encontra-se na Faculdade de Medicina, no edifício do Hospital de Santa Maria.

Nesta tela encontram-se representados Eduardo Mota(1837-1912) , Carlos May Figueira (1829-1913), Sabino Coelho (1853-1938), Ricardo Jorge (1858-1939) e Francisco de Oliveira Feijão (1850-1918). Nas restantes telas encontram-se representados a) Miguel Bombarda (1851-1910), Silva Amado (1840-925), Curry Cabral (1844-1920), Bettencourt Pitta (1826-1907) e J. Ferraz de Macedo (1838-1907), b) C. Bello Morais (1868-1933), Moreira Júnior (1866-1954), Carlos Tavares (1837-1913), Alfredo da Costa (1859-1910), Custódio Cabeça (1866-1937) e Bettencourt Raposo (1853-1937) e c) Augusto Vasconcelos (1867-1951), J. Salazar de Sousa (1871-1940), José Gentil (1870-1938) e Francisco Gentil (1878-1964).


Notícias

Data Título Ler
2455817.513 Setembro 2011 Enciclopédia passa a inferir as propriedades simétricas "Mentor de" e "Discípulo de" Notícias do projecto-2011-09-12
2455479.510 Outubro 2010 Memória da Universidade muda de servidor e de endereço Notícias do projecto-2010-10-10
2455316.530 Abril 2010 Segunda versão pública da ontologia do projecto Memória da Universidade Notícias do projecto-2010-04-30

Sobre...

Memória da Universidade é uma Enciclopédia electrónica do Ensino, Ciência e Cultura na História da Universidade de Lisboa, que pretende funcionar como elemento integrador e de síntese das actividades comemorativas do Centenário da UL, no âmbito da História e do Património da Universidade.

Memória da Universidade é uma obra de referência, aberta e em permanente actualização, sobre a história da Universidade, permitindo a colaboração de um leque alargado de investigadores.

Artigos...

Os artigos de Memória da Universidade incluem dois níveis distintos de informação:
  1. Informação factual e prosopográfica produzida por uma equipa constituída no âmbito das comemorações. Esta informação é introduzida na forma de anotações semânticas;
  2. Artigos e ensaios assinados produzidos por docentes e investigadores da UL e de outras instituições.

Como exemplo, veja-se a entrada relativa a Fausto Lopo de Carvalho, que inclui texto e anotações semânticas.

Neste momento, Memória da Universidade já inclui um total de 1 788 páginas e 537 imagens, distribuídas por três dezenas de categorias. A mais volumosa é a Categoria:Pessoas, que conta com 523 entradas com informação factual sobre docentes, incluindo:

  • Curso Superior de Letras: 14
  • Escola de Farmácia anexa à Escola Médico-Cirúrgica: 9
  • Escola Médico-Cirúrgica: 63
  • Escola Politécnica: 60
  • Faculdade de Ciências: 97
  • Faculdade de Direito: 46
  • Faculdade de Farmácia: 19
  • Faculdade de Letras: 111
  • Faculdade de Medicina: 162

Actividade em destaque...

Grupo de Trabalho do Levantamento do Património Histórico, Científico e Artístico da Universidade de Lisboa
Logo-Levantamento-Patrimonio-UL.png
O Grupo de Trabalho do Património numa visita à Faculdade de Farmácia. Da esquerda para a direita: Ana Mehnert Pascoal, Marta Lourenço e Catarina Teixeira.
Constituído no âmbito das Comemorações dos 100 Anos da Universidade de Lisboa, para apoiar a realização das acções da linha 100 Locais (Património) (Publicações, Percursos e Topografia da Universidade), este grupo de trabalho é constituído por Marta Lourenço (coordenadora), Ana Mehnert Pascoal e Catarina Teixeira.

Exemplos de artigos: Colecção de Objectos Naturais do Jardim Botânico, Edíficio do Observatório Astronómico de Lisboa e Estátua de Egas Moniz por Euclides Vaz

Ulis2011-logo-pb.png
Memória da Universidade é parte do programa das
Ferramentas pessoais
Espaços nominais
Variantes
Acções
Navegação
Ferramentas