Arquivo Histórico do Jardim Botânico (séc. XIX e XX)

Da Memória da Universidade

Ir para: navegação, pesquisa
Um exemplar da documentação do Jardim Botânico: desenho de Frederico Welwitsch. (Digitalizações de S. Albuquerque, cortesia do Jardim Botânico/MNHN)

Arquivo Histórico do Jardim Botânico. Local.: Museu Nacional de História Natural. URL: http://www.mnhnc.ul.pt/. Tutela: Departamento de Botânica do Museu Nacional de História Natural. Cobertura: Séculos XIX-XX. Dimensão:Desconhecida.. Assunto: Património Histórico, Científico e Artístico da Universidade de Lisboa.

Enquadramento institucional e legal

O Museu Nacional de História Natural é referido nos recentes Estatutos da Universidade de Lisboa (2008) no Artigo 3º do Anexo, como Unidade da Universidade de Lisboa mas ainda não sofreu revisão estatutária. O MNHN encontra-se devidamente contemplado nos Estatutos da UL (Despacho normativo 144/92).O Jardim Botânico encontra-se enquadrado nos Estatutos do Museu Nacional de História Natural (Despacho nº 11002/2003).

Na UL desde

1911.

Nota Descritiva e Histórica

O Jardim Botânico possui um conjunto documental riquíssimo, que compreende uma parte científica (desenhos, notas de campo, correspondência entre naturalistas), tipicamente localizada junto aos Herbários, e uma outra componente de natureza institucional referente à história do Jardim (correspondência, actas de reuniões, facturas e notas de despesa, etc). O Arquivo inclui documentos desde a integração das colecções botânicas do Real Museu e Jardim Botânico da Ajuda (via Academia das Ciências) em 1839, sendo alguns documentos anteriores, nomeadamente a documentação relativa aos quatro herbários designados ‘históricos’ (Vandelli, Valorado, Brotero e Alexandre Rodrigues Ferreira). Deve sublinhar-se que existirão documentos relativos ao Jardim Botânico também no Arquivo Histórico do Museu de Ciência, dado que este recebeu o arquivo geral institucional da Escola Politécnica. Os arquivos históricos dos Museus da Politécnica – num total de três, mais um do IGIDL – devem ser vistos como um todo.

Relevância

O Arquivo Histórico do Jardim é muito relevante como documentação complementar dos espécimes dos Herbários e igualmente para a história da ciência, em particular para a história da botânica em Portugal. O Arquivo é igualmente essencial para a história do Jardim Botânico e do Museu Nacional de História Natural.

Utilização

A parte científica do Arquivo é bastante utilizada por investigadores e estudantes de pós-raduação. A parte institucional é utilizada ocasionalmente, mas podia sê-lo consideravelmente mais.

Estado do inventário

A parte científica do Arquivo está organizada. Porém, não existe um catálogo geral de documentos que facilite o acesso.

Acessibilidade

O Arquivo destina-se a investigadores e a estudantes de pós-graduação. Porém, não se encontra acessível a não ser ocasionalmente devido à falta de pessoal.

Pessoal

Não existe nenhum arquivista no Jardim Botânico ou alguém directamente afecto ao Arquivo.

Observações

O Jardim possui igualmente uma biblioteca que compreende um considerável fundo antigo. Porém, actualmente, também não existe pessoal directamente afecto.

Bibliografia

Nada a acrescentar.



Autor: Marta C. Lourenço [2007; actualizado em 2010]

Levantamento do Património Histórico, Científico e Artístico da Universidade de Lisboa:

Arquivo Histórico do Jardim Botânico (séc. XIX e XX)

Pelo Grupo de Trabalho constituído por Marta Lourenço, Ana Mehnert Pascoal e Catarina Teixeira

Logo-Levantamento-Patrimonio-UL.png
Ferramentas pessoais
Espaços nominais
Variantes
Acções
Navegação
Ferramentas